quinta-feira, 6 de agosto de 2009

Sobre a saudade

Ela não se explica. Talvez seja por isso que nem todos os idiomas tenham encontrado uma palavra para representá-la. Mas isso não é de todo ruim. Porque ainda que não seja fácil codificá-la, parece não ser tão difícil expressá-la. Um bom abraço; palavras certas; um olhar. Muitas são as formas de mostrar que sentimos a ausência de quem amamos. E por mais que ela não seja um sentimento que almejamos ter, é bom quando ela bate na nossa porta. É que ela nos mostra que existem pessoas que nos são caras. E como!

7 comentários:

Anônimo disse...

Outro dia li a seguinte definição: Saudade é o amor que fica.

Sinto que já estás com saudades... saiba que nós também...

Um abraço saudoso,
Rejane

Daniel Guanaes disse...

Rejane, já saí com saudades. rs
Outro abraço saudoso!

Anônimo disse...

Ai, e Bia que nem nasceu e já tem saudade! Amo vcs!
Marina

Daniel Guanaes disse...

E a gente dela... muita!!!

Anônimo disse...

D/D: É, eu pensava que o Skype iria
diminuir a saudade! Tudo bem, minha
alegria é indizível poder conversar
vendo os rostos de filhos amados.
Kisses, for both, with much love!
Valmy.

Anônimo disse...

Dani,eu que o diga a saudade que eu sinto e a falta que vc faz.Pedro sempre pergunta p vc e canta "aonde quer que eu va o Senhor sempre esta.Amamos vcs! bjao!

lucia

Leo Lima disse...

Fala Dani e Denise...
aproveitamos que vocês falaram de saudades e estamos passando para expressar que estamos com muitas saudades de vocês, mas com certeza será um tempo muito bom...estamos torcendo e orando pela adaptação de vocês aí.
Qualquer coisa passa um email pra gente contando as novidades ou vamos tentar um dia nos falar pelo skype se o acesso for fácil para vocês.
Um beijão...amamos vocês