segunda-feira, 26 de julho de 2010

Lameque está entre nós

Lameque foi, segundo a Bíblia, o primeiro homicida que se orgulhou da atrocidade que cometeu. Moisés relata, em Gênesis 4, que este homem matou outro ser humano porque este o feriu, e ainda outro por ter pisado no seu pé. Além disso, fez questão de revelar às suas mulheres sua força e satisfação por fazer justiça com as próprias mãos.
Caim revelou que a desgraça passou a reinar entre os homens depois da queda, ao matar seu irmão Abel. Lameque mostrou quão profundo era o nível de tal desgraça, ao achar graça do que fez. E desde então a humanidade tem reproduzido a mesma história.
É impressionante como se mata por nada. Mais ainda é perceber como há quem se orgulha de fazer coisas assim. Lameque está entre nós. Resta-nos, portanto, cuidar para que não pisemos no seu pé.

Um comentário:

Meire disse...

O que tenho observado também, é que as armas usadas pelos Lameques de hoje são as palavras.
Há quem se ache salvo, pois quando lê que ficarão de fora os homicidas, imaginam em sua ignorãncia que Deus refere-se apenas aos que usaram armas de fogo...