quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Minha oração

Que a escuridão das trevas não me impeça de ver o brilho da luz.
Que o senso crítico não me leve a fazer críticas sem sentido.
Que minha dor não me anestesie.
Que minha alegria não me aliene.
Que a existência da desgraça não me faça esquecer da supremacia da graça.
Que a supremacia da graça não me faça esquecer da existência da desgraça.
Que a igreja avance.
Que as portas do inferno não resistam.
Que a sociedade se importe.
Que Deus se compadeça.
Que o reino se estabeleça.
Que Cristo chegue.

Um comentário:

Felipe Bacelar disse...

ESPETACULAR!!!