quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

Minha Resolução de Ano Novo

Para 2011, faço das palavras do salmista a minha resolução de ano novo.


'Que darei ao SENHOR por todos os seus benefícios para comigo?'
Sei que qualquer coisa que dê ao meu Deus será uma devolução por tudo que Ele tem me dado. Sei disso porque aprendi que, com Deus, o que dou, não dou. Devolvo. Deus é sempre a causa; eu sou sempre a consequência. Deus é sempre a ação; eu sou sempre a reação.
'Tomarei o cálice da salvação'
Não encararei a salvação como um fato consumado, mas como um trabalho em andamento. Todos os dias dela beberei, até que, por Cristo, o trabalho em minha vida  seja concluído.
'Invocarei o nome do SENHOR'
Buscarei o Deus que se permite achar. Contarei por perto o que habita nas alturas. Desejarei sua presença como alguém que sabe o valor que ela tem.
'Cumprirei os meus votos ao SENHOR, na presença de todo o seu povo'
Estarei mais empenhado em cumprir os votos que fiz do que em fazer novos. Tomarei o sim por sim e o não por não. Sei que vacilarei por ter errado, mas espero não errar por não ter tentado.


Sãos as palavras do salmista, hoje feitas minhas. São meus votos para o ano que se inicia.

2 comentários:

Anônimo disse...

Por minhas imperfeições, sei que jamais conseguirei pagar os incontáveis benefícios recebidos do
Alto. Logo, agradecimento, comunhão
com Ele e anelo por misericórdia, sempre. VGM.

Anônimo disse...

Muito bom. Filipe V. amigo da APV