quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Os paradigmas religiosos

De pé, os homens aplaudem os avanços tecnológicos, sociais e científicos. O progresso da humanidade nas mais diversas áreas do saber é desfrutado e celebrado por pessoas de todos os cantos da terra. 'Paradigmas foram feitos para serem superados', dizem as pessoas. 'Não podemos parar no tempo! Precisamos avançar!', alegam outros.
Com a religião, curiosamente, as coisas funcionam de maneira diferente. Não é o avanço que é celebrado. Antes, é a estagnação - quando não o retrocesso. Igreja boa - no senso comum - é igreja antiga. Modernidades não encontram espaço no universo religioso. Quanto mais distante da atualidade for o referencial, mais sacra a igreja se torna.
Por que muitos amantes do avanço social se revelam opositores da mesma mudança de paradigmas, só que no universo religioso?
Parece-me que universo religioso passou a ser, em algum momento na história, sinônimo de universo sagrado. E com sagrado, pensam, quanto menos se mexe, menos chances se corre de profaná-lo.
O que ignoram os que assim pensam é que, neste mundo criado por Deus, sagrada é a vida e os divinos princípios que devem regê-la. Tudo o mais, que a seu redor gira, deve ser construído e desconstruído de acordo com o mundo no qual se vive. Quando se sacraliza qualquer coisa que não aquilo que Deus sacralizou, profana-se, automaticamente, os valores por ele estabelecidos.
Igreja boa não é a igreja passada; tampouco a futura. Igreja boa é a do presente. A que supera paradigmas, encaixando-se na história e sociedade da qual faz parte. A que sabe que os novos paradigmas por ela construídos serão igualmente superados, quando chegar o presente da igreja do futuro.
E assim seguem a vida e os eternos valores de Deus; preservados por serem o que Deus quis que fossem. E assim seguem as demais coisas; em construção e desconstrução por serem o que queremos que sejam.

Um comentário:

Fabi. disse...

Gostei do que li!!!
Parabéns pelo post.
Ótima reflexão.
;)
Bjo e excelente quinta.
Fabiana Antunes.